sábado, 14 de janeiro de 2017

Colón, Panamá





A Cidade de Colón fica na Província de Colón, ao norte da Província do Panamá e é a principal cidade daquela Província. Colón já foi uma região muito importante no país: era por onde se dava a entrada/saída do Caribe:  os espanhóis despachavam o ouro e outras riquezas para Espanha a partir de Colón, riquezas estas que eram trazidas das suas colônias do Pacífico e entravam via Cidade do Panamá (pacífico), cruzando os 8Okm do istmo por terra.
Mais adiante, após a independência da Espanha e da separação da Colômbia, A cidade de Colón foi oficialmente fundada em 1850, por ter ainda certa importância geográfica, enquanto os EUA construíram e controlavam o Canal. Quase toda a zona ao redor do Canal até o porto de Colón era una zona militarizada dos EUA, e a economia local girava em torno do exército e os serviços prestados para os militares e suas famílias.














Mercado Municipal de Colón


Parroquia San Jose











Zona de livre comércio ideal para compras
Desde o início, a Zona Livre (que é um território “independente” digamos, do Panamá. Para entrar, é preciso pegar um “Visto” na entrada principal da Zona, que é limitado por dia) foi desenhada para ser uma área comercial de atacado e uma free shop









quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Cartagena de India


Cartagena de Índias



Cartagena de Índias ou Cartagena é a capital do departamento de Bolívar, na Colômbia. É a quinta maior cidade do país, e a segunda maior da região, depois de Barranquilha; e sua região metropolitana é a quinta maior concentração urbana da Colômbia. Suas mais significantes atividades econômicas são os complexos marítimos, pesqueiros, petroquímicos e o turístico.


BREVE HISTÓRIA DE CARTAGENA

Cartagena de Índias foi fundada em 1533, e tem esse nome em homenagem à cidade de Cartagena, na Espanha. Durante todo o período colonial, Cartagena teve um importante papel na administração e na expansão do império espanhol, devido à presença dos vice-reis que habitavam a cidade.






Com os anos, a vida moderna trouxe profundas transformações para Cartagena. As mudanças podem ser percebidas nas áreas econômica, social, política e cultural. Uma grande parcela desse avanço se deve ao desenvolvimento industrial e à consolidação de uma forte classe empresarial, associada à imigração estrangeira. Ao longo dos anos, Cartagena também se firmou como um importante destino turístico na América do Sul, atraindo para cá viajantes do mundo todo. 


Cidade Murada
O centro histórico da cidade, conhecido como Cidade Murada, foi declarado Patrimônio Nacional da Colômbia, em 1959, e Patrimônio Mundial da Humanidade, pela Unesco, em 1984. Em 2007, sua arquitetura militar foi reconhecida como a quarta maravilha da Colômbia.
Entrada










































Castelo de San Felipe de Barajasmaior obra militar espanhola no Novo Mundo, situado em Cartagena das Índias, na Colômbia. Era um dos maiores pontos de defesa do Vice-Reino de Nova Granada e teve papel importante em várias guerras, em especial, na Guerra da orelha de Jenkins. Atualmente, serve como ponto turístico da cidade, tendo em sua entrada uma estátua do militar espanhol Blas de Lezo, que defendeu o castelo durante o Sítio de Cartagena de Índias.











Esculturas